O que você precisa entender sobre inflação?

Em um momento de incertezas políticas e econômicas, tem crescido a necessidade de entender como fazer o salário render mais para chegar ao final do mês sem a necessidade de acumular dívidas.

Apesar do fantasma da inflação não ter as proporções que o Brasil enfrentou durante os anos 80 e 90, a maioria da população não sabe como enfrentá-la ou como ela de fato afeta sua vida. E se este é o seu caso, separamos alguns pontos que você precisa entender para manter sua saúde financeira.

Mas antes de tudo, você sabe o que é inflação?

Inflação é um indicador da diminuição do poder de compra do dinheiro por sua variação percentual entre um período e outro.

Por exemplo: se a inflação chegou a 10,67% no ano e o seu aumento de salário foi de 7,06%, significa que você perdeu poder de compra com ele e precisa buscar formas de aumentar sua renda ou de economizar dinheiro.

No Brasil existem alguns índices que acompanham a inflação, mas o principal é o IPCA¹. Ele é medido mensalmente pelo IBGE² e avalia o valor de comercialização para o consumidor em diferentes segmentos.

Então onde investir para não sofrer com a inflação?

Não é apenas contraindo novas dívidas que você sofre os efeitos da inflação. É possível que esteja “perdendo dinheiro” em suas economias.

Poupar não é suficiente para garantir que esteja acumulando capital. É preciso conhecer as opções de investimento com o melhor rendimento, aqueles que ficam acima do índice de inflação.

Se a inflação acumulada foi 10,67% e no mesmo período a poupança rendeu apenas 8,15%, significa que a caderneta teve uma perda de 2,28%. Ou seja, quem apostou apenas nessa forma de investimento, perdeu dinheiro para a inflação, durante o ano.

Além de conhecer as opções de aplicação e formas de resgate, na hora de escolher o serviço é necessário saber se elas são uma boa maneira de aumentar seu capital. E para isso, você deve calcular o rendimento real das aplicações, seguindo a seguinte fórmula:

Rentabilidade real = [(rentabilidade do investimento +1)/(inflação-1)]-1

Para enfrentar a inflação sem ter perda de capital e de poder de compra, você precisa ter um bom planejamento financeiro.

Saiba onde estão seus gastos e quais foram os mais impactados pela inflação. Além de escolher bem as formas de investimento e evitar as dívidas é fundamental para determinar uma mudança no seu padrão de vida.

E não se esqueça de organizar sua vida financeira para continuar com tranquilidade mesmo em momentos de crise!

Lembre-se de seguir as redes sociais da Bari Promotora para acompanhar nossas dicas de como aproveitar melhor o seu dinheiro.

¹ Índice de Preços ao Consumidor Amplo

² Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *